O que o CORONAVÍRUS tem a ver com a MÚSICA?

Ao redor do mundo, não se fala em nada mais, além desse novo vírus – que gerou um forte impacto em diversos países.

E você, leitor entende que, ok, tenho essas informações, mas o que isso tem a ver com a música?

Vamos explicar.

O vírus mais danoso no atual momento é o do pânico, do medo do contágio e também da única atenção ser voltada para o que pode acontecer.

É claro que não existe forma de sanar a pandemia sem o devidos cuidados de toda a sociedade e governantes, mas além dos procedimentos corretos com a saúde física – a mental também é fundamental para momentos assim.

E é aí que a música entra em pauta.

Em nossos posts aqui no nosso blog, já foram citados vários benefícios sobre como o estudo musical pode melhorar nossas vidas. E é exatamente como terapia e como vazão de momentos delicados da forma física, mental e emocional que essa arte auxilia – na superação e no tratamento de pensamentos sobre rotina, trabalho, família, medos, anseios entre outros.

Quando vai trabalhar e escuta a rádio, fica ouvindo as músicas do momento, além das notícias. Quando assiste a tv, e vê propagandas de marketing, escuta músicas – trilhas de tv. Quando assiste a um filme ou vai numa festa de amigos, normalmente você está sempre acompanhado de músicas, sendo tocadas e cantadas, ou com os hits do momento nas caixas de som.

E é através dela que sugerimos, pensar com a devida atenção nos cuidados com sua saúde e com a dos outros. Afinal, não existe música unilateral, individual, e sim, coletiva. De qualquer forma, em qualquer música das que gostamos, escutamos sons diferentes, derivados de instrumentos distintos, de pessoas, musicistas diferentes.

E é por isso que sugerimos, além de ter uma boa alimentação, atividade física e mental – lembre-se de ter os cuidados com o indivíduo próximo de você e de permitir que a música possa te tranquilizar em momentos delicados como esse.

Desejamos que seja um momento tênue para você.

Até nosso próximo post.